website empresa

Como gerar vendas pelo site da sua empresa?

 

Você possui um website mas ainda não está recebendo visitas e contatos de novos clientes? Então leia este artigo até o fim e irá  saber como gerar vendas pelo site da sua empresa, pois não há nada melhor do que ter um sistema de vendas online trabalhando para gerar lucro recorrente para sua empresa.

 

O que você verá neste artigo:

  • como as pessoas usam a internet para comprar produtos ou contratar serviços
  • como os mecanismos de busca funcionam
  • o que fazer para o seu site aparecer no Google
  • como captar novos contatos de clientes
  • como se aprofundar no relacionamento com o cliente que chegou pela internet
  • quais as ferramentas de marketing digital mais importantes

 

Então vamos lá!

 

Antes de tudo, quero eliminar uma ideia equivocada que a maioria dos empresários ainda têm com relação a site de empresa: a de que os clientes só entram no seu site digitando o nome da empresa.

 

Este definitivamente não é o caminho.

 

Antigamente sim, você fornecia o seu endereço na web através de propaganda, cartão de visita, etc e as pessoas iam até a internet e digitavam o seu nome na barra de endereços.

 

Hoje, existe um único meio de receber novos visitantes todos os dias em seu site. E esse meio se chama “Google”.

 

É importante saber e reconhecer que esse mecanismo de busca é maior do que qualquer veículo de publicidade offline imaginável.

 

As pessoas estão acostumadas a encontrar no Google o que estão precisando. E tudo aquilo que encontrarem na primeira página (ou, no máximo na segunda) está bom pra elas.

A autoridade e credibilidade da sua marca começa pelo seu posicionamento no Google

site autoridade

Você como usuário da internet já sabe que o Google é a porta de entrada para a solução de problemas, quaisquer que sejam eles.

 

Se, por exemplo, estou reformando o telhado da minha casa, é normal eu contar com o Google para encontrar informações que irão tirar minhas dúvidas sobre a reforma do meu telhado como: custos, opções de telhas, precauções a tomar, como contratar a mão-de-obra, e por aí vai…

 

E o Google, por si, irá entregar aqueles resultados que julgar mais relevantes à minha busca, ou seja os sites que possuem páginas bem organizadas e estruturadas para entregar a informação procurada.

 

Esta é a primeira meta do seu site: ter páginas bem estruturadas para que estejam alinhadas com as buscas feitas pelo seus possíveis clientes. Lembre-se que o Google quer entregar as páginas mais importantes para a busca feita naquele exato momento.

 

Sabe o que isto quer dizer? Que não adianta nada você ter um site todo bonito falando as mais belas coisas sobre a sua empresa se, em suas páginas, você não tiver conteúdo estrategicamente produzido para satisfazer as buscas do seu público.

 

Este é o ponto de virada para uma boa estratégia de vendas pela internet.

 

Como aparecer no Google para atrair mais clientes para o seu site

autoridade

Considerando que o Google entrega uma série de resultados (páginas da web) para toda e qualquer busca feita através de palavras inseridas no campo de pesquisa, podemos imaginar um sistema de ação e reação que pode ser usado estrategicamente em benefício do seu negócio (lê-se: benefício do seu cliente).

 

Experimente o seguinte: coloque essa palavra-chave “capela oco mostra estreito assombroso” no campo de busca do Google e dê um “procurar”.

 

Por mais sem noção que seja essa pesquisa, ou seja não representar nenhuma intenção, haverá uma série de resultados da sua… por assim dizer, “pesquisa”…

 

Isso acontece porque há um sistema que procura “interpretar” a busca para entregar resultados que estejam mais “de acordo” com o que foi solicitado. De alguma maneira uma série de resultados estará lá, de acordo com o conteúdo analisado nas páginas, para responder à sua pesquisa.

 

Agora, raciocinando: as pessoas fazem buscas de todos os tipos, para várias necessidades. O Google, ao longo dos anos de desenvolvimento já consegue interpretar as buscas e entregar resultados cada vez mais precisos e relevantes.

 

Ora, para quem tem negócio é o melhor negócio….oops, desculpe…rs!

 

Mas o que quero dizer é que há sempre muitas oportunidades de novas visitas para o seu site, visitantes estes que sejam possíveis clientes! Basta você ter uma visão mais estratégica de como oferecer conteúdo (na maioria das vezes em forma de resposta) para as possíveis buscas feitas por pessoas que você julga serem possíveis clientes…

 

Simplificando, vou voltar para o caso das telhas:

 

Eu agora sou o dono de uma loja de Telhas em Florianópolis e quero criar páginas estrategicamente preparadas para serem entregues a diversas buscas relacionadas ao meu negócio para ser encontrado no Google por possíveis clientes.

 

Para isso, tenho que fazer um brainstorm e agrupar termos de pesquisa que sejam razoáveis, que possam estar sendo usados por pessoas que precisam, ou logo precisarão, das telhas da minha loja.

 

Então, em primeira mão, posso agrupar algumas palavras-chave, como:

 

“loja de telhas em florianopolis”

“loja de telhas no estreito florianópolis”

“telhas em são josé sc”

entre outras…

 

Mas há um problema nisso: estes termos são genéricos demais e muito provavelmente há outros sites que já estão disputando lugares nos resultados, junto com o meu, pois em suas páginas também está escrito: “loja de telhas em florianópolis” ou “telhas em são josé”…

 

Então tenho que ir mais fundo na estratégia e, considerando que há sim, muitos outros tipos de busca relacionados ao meu negócio de telhas, criarei o segundo grupo de palavras-chave:

 

“como trocar o telhado da minha casa”

“tipos de telhas”

“qual a melhor telha para o calor”

“qual a telha com melhor custo benefício”

“qual a diferença da telha portuguesa para a colonial”

entre inúmeras opções…

 

Percebe? Imaginando o conjunto de perguntas e necessidades que meus possíveis clientes possam vir a pesquisar no Google, eu crio páginas estrategicamente voltadas para satisfazer cada uma destas pesquisas.

 

(Obs: No caso de negócio local, há outras estratégias importantes a serem usadas, como as informações de localização da sua empresa juntamente com o nome e telefone)

 

Em resumo, quanto mais o seu site aparece nos resultados do Google (de preferência na primeira página para vários tipos de pesquisa, é mais provável que ele receba visitas de pessoas que você quer como possíveis clientes, o que pode resultar em mais vendas pelo seu site.

 

Agora, você deve estar pensando: “Puxa eu irei gastar uma nota com um desenvolvedor de sites para ele “construir” cada vez mais páginas com conteúdos estratégicos e tal…

 

Calma! Aqui vai a dica: Você não precisa de desenvolvedor nenhum para ter um site que gere vendas para sua empresa. Tudo o que você precisa é ter um blog e publicar, periodicamente artigos que satisfaçam às necessidades das buscas, alinhando o conteúdo com as palavras-chaves inseridas no campo de pesquisa.

 

É claro que tem alguns pontos que seriam importantes serem levados a sério, como: escolher a plataforma ideal para um site essencialmente comercial, ajustar as configurações que alinham seu site com o Google, seguir as técnicas recomendadas de SEO (search engine optimization), entre outras.

 

Mas o ponto central, aquele que deve estar sob as suas rédeas é a “linha editorial”, ou seja, aqueles assuntos que você irá explorar para ser encontrado por novos clientes e que os façam acessar o seu site para saber mais sobre o que estão buscando.

Recebendo pedidos de orçamento, agendamento de horários, ligações e outras intenções de clientes

visitas no site

Se você já consegue estar presente na primeira página do Google para muitas intenções de busca, parabéns! É muito provável que possíveis clientes entrarão no seu site, agora sob o seu domínio.

 

Uma vez entrando no seu site, você poderá conduzir o cliente através da navegação para outras ofertas, como mais informação útil ou os produtos e serviços da sua empresa.

 

Agora quero de novo dizer: não há necessidade de ter uma página inicial com o melhor design, pois as pessoas entram no seu site através das páginas do seu blog, que não deve ter nada de excepcional além do ótimo conteúdo (tudo muito bem escrito e com informações mastigadas) que você irá preparar para deixar seu cliente muito satisfeito.

 

Na mesma página em que ele encontrou a informação que estava procurando, haverá, no menu superior ou outro lugar, um convite para que entre em contato e peça algo mais como: um orçamento, uma dúvida a ser resolvida, um pedido de visita, enfim, isso muda de acordo com a natureza do seu negócio…

 

Esse contato pode ser feito via formulário de email, onde o visitante deixará sua mensagem e dados pessoais (email, telefone, etc).

 

Só essa estratégia de aumentar o número de “entradas” para o seu site através da criação de artigos em um blog, já é o suficiente para gerar muitas novas vendas e novos contatos para seu negócio!

 

Estreitando os “laços” com o cliente através do seu site

relacionamento com o cliente

 

Se você deseja dar um passo à frente na aquisição de novos clientes e na geração de mais vendas pelo seu website, uma boa opção é ter um motivo forte para que ele deixe o seu contato de email mesmo não tendo a intenção de comprar ou contratar você naquele momento.

 

Para isso, será necessário ter disponível uma “recompensa digital” que possa ser entregue por email ao visitante como por exemplo: um ebook com informações valiosas, um video com um mini-treinamento, uma planilha que pode facilitar um trabalho específico, etc…

 

Essa estratégia conhecida no meio digital como “opt-in” faz com que você não perca de vista aqueles que entraram no seu site mas não compraram nada naquele momento.

 

É como um cadastro automático de possíveis clientes, aos quais você poderá enviar mensagens e estabelecer uma conversa até mesmo individual (isso mesmo, com cada cliente!)

 

Dessa forma, você pode criar situações em que seus clientes irão se engajar em seus conteúdos, comentando, respondendo a enquetes, e revelando informações que serão úteis na hora de elaborar suas campanhas de vendas.

 

Geralmente, a mesma ferramenta de email marketing que faz a captura do contato e a entrega da recompensa digital, faz também o envio programado de mensagens que irão envolver seus novos contatos com mais informações e mais ofertas.

Fale sempre aquilo que o cliente quer ouvir

 

Chegando ao fim desse artigo, quero lembrar da importância de escrever sempre para satisfazer ao seu público, em uma linguagem que seus visitantes possam entender e também assimilar facilmente o seu conteúdo.

 

Se você consegue entregar respostas e soluções através de um blog para pessoas que possam vir a ser clientes, já está em um nível bem satisfatório no que diz respeito à sua presença online.

 

Este é o primeiro passo a ser dado na construção da sua marca na internet. E para isso bastam duas ferramentas digitais: o seu blog e um serviço de email marketing.

 

Foi-se o tempo em que os sites de empresas eram sisudos, com textos institucionais dizendo “quem somos” ou ‘nossa missão”…

 

Hoje sabemos que não há tempo a perder na internet. O usuário quer resolver seus problemas o mais rápido e prático possível e aquele que estiver disposto a garantir essa experiência ao visitante, estará bem cotado na internet, garantindo sempre visitas qualificadas ao seu site.

 

Ter um blog para sua empresa e um sistema simples de envio de email não custa praticamente nada, basta você ter um domínio hospedado em um servidor e um pouco de conhecimento de publicação na web.

 

Na publicidade de hoje o investimento em dinheiro foi trocado por tempo em produção de conteúdo a ser espalhado pela internet à fora.

 

Produzir conteúdo que satisfaça realmente seu público é condição sine qua non para que seu site dê aquele retorno em faturamento que você deseja.

 

Uma simples página de blog que responda a uma dúvida comum entre seus clientes tem o poder de gerar vendas durante muitos anos.

 

Vale a pena se aprofundar na estratégia de criação de conteúdo e investir tempo e energia publicando sempre com uma boa frequência, pois os assuntos nunca se acabam.

 

Bom, espero ter ajudado você a criar novas opções para que seu site tenha mais visitas de clientes e que possa ser um instrumento de vendas para sua empresa.

 

Se você quer uma ajuda pessoal em sua linha de conteúdo ou como criar um blog para sua empresa ou mesmo com ferramentas de marketing digital, entre em contato para marcar uma conversa mais detalhada e também saber como funciona uma consultoria de marketing digital.

About The Author

Duda Kassler

Consultor em Marketing Digital, dedica-se a ajudar as empresas a crescerem através da internet.

Comentários